Na barbearia Fuller Cut, no Michigan, cortar o cabelo de uma criança é diferente, e divertido! Isso porque os pequenos que leem um livro em voz alta durante os cortes têm desconto de 2 dólares (cerca de 8 reais).

Os livros utilizados na barbearia possuem imagens positivas de afro-americanos, como astronautas, altetas ou escritores, e a ideia é incentivar a leitura das crianças, afinal com o desenvolvimento da tecnologia e sua ampliação, vem perdendo esse costume.

A ideia apareceu quando o barbeiro Ryan Griffin visitou cidades como Houston (Texas), Dubuque (Iowa) e Columbus (Ohio) que tinham esse tipo de incentivo e ele pensou em levar para a sua comunidade. Um pai gostou da ideia e acabou doando alguns livros e, a partir daí, outros pais fizeram o mesmo.

Como o tempo do corte é curto, eles não costumam terminar o livro em apenas um corte, contudo, o barbeiro faz um monitoramento para que quando a criança retorne ao salão, pegue o mesmo livro para continuar a leitura e finalizar o livro.

“Se nós pudéssemos receber as crianças de volta no Fuller Cut como adultos na faculdades e eles nos dissessem: ‘Por causa de vocês que nos fez ler aqui, me fez querer ser um escritor ou jornalista’, esse é realmente o objetivo final”, conclui o barbeiro.

Noticia postada em História no Paint.

RECOMENDAMOS


Flores e Poesias
Textos que perfumam a alma e a vida.

COMENTÁRIOS