O caju é um pseudofruto bastante conhecido no Brasil, mas normalmente as pessoas usam as castanhas e jogam o resto fora! Mas ele é poderoso! Confira só alguns benefícios…

É constituído de duas partes: a castanha que é a fruta propriamente dita, e o pedúnculo floral, pseudofruto confundido com o fruto.

Como a polpa corresponde a 80 a 90%, podemos dizer que essa parte da sua produção costuma ser desperdiçada. Isso é uma pena, pois a parte alaranjada tem potente ação antioxidante, e muitos outros benefícios!

Graças à presença de compostos fenólicos e de grandes porções de vitamina C — são 257 mg em 100 g do fruto in natura e 120 mg em 100 g da polpa congelada, ou seja, mais que 100% das necessidades diárias. Bom não é? O caju também oferece vitamina A, complexo B, além de cálcio, ferro e potássio!

O Caju:
Melhora o funcionamento do intestino:

Isso porque, o caju é rico em fibras (1,7 gramas para cada 100 gramas do alimento) que estimulam o trânsito intestinal, ajudam na manutenção na microbiota intestinal e colaboram para a formação do bolo fecal. Mas, é essencial tomar água ou o efeito é o inverso, pois as fezes ficam volumosas e ressecadas, o que dificulta a sua saída do corpo;

Aliada de quem tem diabetes e o colesterol alto:

Mais uma vez são as fibras que estão por trás do efeito. Seu consumo faz com que a glicose quanto o colesterol sejam absorvidos mais lentamente durante a refeição, evitando os picos de ambos, que são maléficos para quem tem diabetes e colesterol alto, respectivamente.

É bom para a saúde do coração:

O fato de o alimento ajudar no controle do colesterol, por si só, já teria esse efeito, mas ele ainda é rico em antioxidantes, como os flavonoides e carotenoides, que têm ação cardioprotetora.

Combate o envelhecimento precoce

Mais um ponto para os antioxidantes. Eles combatem os radicais livres que degradam o colágeno, proteínas que agem na sustentação da pele.

Ajuda na saúde dos ossos

Os minerais presentes no alimento, como o cálcio e o ferro, deixam os ossos mais fortes, o que pode ajudar na prevenção da osteoporose.

Combate a acne:

Um trabalho realizado na Unicamp (Universidade Estadual de Campinas), que utilizou a polpa do caju topicamente, revelou que ela tem um bom potencial cicatrizante e antioxidante, o que ajuda a diminuir as erupções e a inflamação.

Texto adaptado do site Viva Bem

RECOMENDAMOS



Flores e Poesias
Textos que perfumam a alma e a vida.

COMENTÁRIOS