A marca de nome “Just Water”, é uma água vendida em caixinhas sustentáveis, biodegradáveis e 100% recicláveis fundada por Will Smith e seu filho, Jaden Smith, a novidade é que ela chegou ao Brasil.

82% da sua composição é reciclada. Além disso, a tampa é feita com cana-de-açúcar brasileira. Impressionante não?

O custo de cada é R$ 7,90 por caixinha de 500 ml, que pode ser encontrada em vários supermercados.

justwater smith 545x382 - Criada por Will Smith e seu filho, água em caixinha sustentável chega ao Brasil

O produto surgiu a partir de uma ideia de Jaden, quando ele estava surfando e se deparou com uma enorme quantidade de plástico no mar.

Em 2015, pai, mãe e filho fundaram a Just Water. Inicialmente, eles vendiam água de origem responsável do interior de Nova York (EUA), embalada em uma garrafa feita com recursos reciclados.

Os consumidores se tornam cada vez mais conscientes do impacto dos plásticos descartáveis no planeta. Por ser inteiramente reciclável, as caixinhas de Just Water já fazem o maior sucesso nos EUA, Europa, Austrália, Japão, China, e agora tem no BRASIL!

333 500x500 - Criada por Will Smith e seu filho, água em caixinha sustentável chega ao Brasil

A água advém de uma nascente afastada dos grandes centros urbanos, em Glens Falls (EUA), e é naturalmente alcalina, o que a torna saudável.

O site, ao qual usamos como fonte da reportagem, Razões para Acreditar separou uma lista de vantagens das garrafas/caixinhas de água:

-A embalagem é 100% reciclável e é reutilizável e tem um campo que você pode colocar seu nome.
-A maior parte da embalagem é feita de papel de florestas certificadas.
-A tampa não é plástico de petróleo, ela é feita de cana-de-açúcar aqui do Brasil.
Não contém plástico feito de petróleo.
-A produção de 200 mil toneladas de plástico feito de cana-de-açúcar representa uma redução anual de 800 mil toneladas de CO2 da atmosfera. Isso é o equivalente às emissões anuais de CO2 de 800.000 carros ou 200.000 famílias médias.

RECOMENDAMOS



Flores e Poesias
Textos que perfumam a alma e a vida.

COMENTÁRIOS